FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

DRILL, 0,2mg + 3 mg, Pastilhas
Cloridrato de Tetracaína + Digluconato de Clorohexidina

(Imprimir)

  • Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente.
  • Este medicamento pode ser adquirido sem receita médica. No entanto, é necessário tomar Drill com precaução para obter os devidos resultados.
  • Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.
  • Caso precise de esclarecimentos ou conselhos, consulte o seu farmacêutico.
  • Em caso de agravamento ou persistência dos sintomas, consulte o seu médico.
  • Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:

1. O que é Drill e para que é utilizado
2. Antes de tomar Drill
3. Como tomar Drill
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Drill
6. Outras informações


1. O QUE É DRILL E PARA QUE É UTILIZADO

Grupo farmacoterapêutico: Aparelho digestivo. Medicamentos que actuam na boca e na orofaringe. De aplicação tópica.

Drill é utilizado para:

  • Alívio sintomático da dor de garganta.
  • Alívio sintomático das infecções ligeiras da cavidade oral e da orofaringe.
  • Na higiene oral e da orofaringe, principalmente nos cuidados pós-operatórios em estomatologia e laringologia.

2. ANTES DE TOMAR DRILL

Não tome Drill:

  • Se tem alergia (hipersensibilidade) às substâncias activas ou a qualquer outro componente de Drill.
  • Em crianças com idade inferior a 6 anos.
  • Utilizar com precaução em crianças dos 6 aos 12 anos de idade.

Ao tomar Drill com outros medicamentos:

  • Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.
  • Deve evitar-se a utilização simultânea ou sucessiva de outros anti-sépticos dada a possibilidade de interferências (antagonismo, inactivação, etc...) sobretudo com os derivados aniónicos.

Ao tomar Drill com alimentos e bebidas:

  • Devido ao risco de anestesia da orofaringe não utilizar este medicamento antes de refeições ou da ingestão de líquidos.
  • Em caso de diabetes ter em atenção a quantidade de glucose contida em cada pastilha (cerca de 2,5 g de açúcar).

Gravidez e aleitamento:

  • Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.
  • Sem precauções especiais.

Condução de veículos e utilização de máquinas:

  • Não foram observados efeitos sobre a capacidade de conduzir e utilizar máquinas.

Informações importantes sobre alguns componentes de Drill:

  • Drill contém glucose e sacarose. Pode ser prejudicial para os dentes.
  • Drill contém Vermelho Ponceau 4R. Pode causar reacções alérgicas.

3. COMO TOMAR DRILL

  • Este medicamento é reservado a adultos e crianças com idade superior a 6 anos.
  • Não utilizar antes de refeições ou da ingestão de líquidos.
  • Adultos: 4 pastilhas por dia (24 horas).
  • Crianças entre os 6 e os 15 anos: 2 - 3 pastilhas por dia (24 horas).
  • Deixar derreter as pastilhas lentamente na boca, sem as trincar. As tomas devem ser espaçadas de, pelo menos, 2 horas.
  • O tempo médio de tratamento não deverá ultrapassar os 5 dias. Decorrido este prazo o tratamento deverá ser reavaliado, assim como se ocorrer febre.

Caso se tenha esquecido de tomar Drill:

  • Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.

Se parar de tomar Drill

  • Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

4. EFEITOS SECUNDÁRIOS POSSIVEIS

  • Como todos os medicamentos, Drill pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas.
  • Nos indivíduos alérgicos aos anestésicos locais pode observar-se rubor e turgidez da face e da garganta. Possibilidade de coloração castanha da língua e dos dentes (clorohexidina).
  • Possibilidade de dormência passageira da língua e da restante orofaringe.
  • Não é aconselhável a utilização prolongada deste medicamento, por mais de 5 dias, pois pode induzir uma modificação do equilíbrio natural da flora microbiana da cavidade oral.
  • O anestésico local contido neste medicamento pode induzir efeitos sistémicos tóxicos, num tratamento prolongado (alterações do SNC, acompanhadas de convulsões e depressão do sistema cardiovascular).
  • O anestésico local presente no DRILL pode induzir a uma reacção positiva no controlo anti-dopping Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

5. COMO CONSERVAR DRILL

  • Não conservar acima de 25º C.
  • Conservar na embalagem de origem para proteger da humidade.
  • Manter fora do alcance e da vista das crianças.
  • Não utilize Drill após o prazo de validade impresso na embalagem exterior, após "Exp.". O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.
  • Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico.
  • Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

6. OUTRAS INFORMAÇÕES

Qual a composição de Drill:

  • As substâncias activas são o digluconato de clorohexidina e o cloridrato de tetracaína.
  • Os outros componentes são: Glicirrizinato de amónio, aroma de papoila, aroma pulmoral, ácido ascórbico, sacarose, glucose e vermelho de Ponceau 4R (E124).
  • Aviso: Contém 1.555 mg de sacarose e 870 mg de glucose.

Qual o aspecto de Drill e conteúdo da embalagem:

  • Drill apresenta-se sob a forma de pastilhas, de cor vermelha, com sabor tipicamente fresco no início, depois amargo. Embalagens contendo 24 pastilhas para administração oral.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado:

  • PIERRE FABRE DERMO-COSMÉTIQUE PORTUGAL, LDA.
    Rua Rodrigo da Fonseca, nº 178 – 5º Esq
    1070-243 Lisboa

Fabricante:

  • PIERRE FABRE MEDICAMENT PRODUCTION
    Site Dietetique et Pharmacie
    Zone Industrielle de la Coudette
    FR-32290 Aignan
    França

Este folheto foi aprovado pela última vez em 12/2009.